Espaço criado para dar suporte

ao meu Blog Tecendo Ideias.

Tecendo Ideias

Tecendo Ideias
Clique para conhecer!

segunda-feira, 20 de maio de 2013



O Alinhavos do Tecer agradece à Rê(jane) pelo carinho de ser incluído entre suas escolhas para presentear com este Selinho tão especial.

Esse selo é conferido aos blogs de popularidade: blogs que atingirem a aceitação do público. O selo foi criado com a intenção de promover o reconhecimento por um trabalho que agrega valor à Web.

É importante que quem receba o “Selo Blog Pop” e o aceite, siga algumas regras:

1. Exibi-lo no blog;
2. Apontar o blog pelo qual recebeu o selo;
3. Escolher outros blogs a quem deve oferecer o “Selo Blog Pop”.


Para compartilhar o selo, escolho todos os amigos que passem por aqui, porque todos são POP :D

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Mago

Voei subindo o Brasil.
Desconectada por dez dias, dediquei-me à diversão familiar, na conexão mais sonhada que realizei. Passeios lindos, com direito a montar Dromedários, skibunda, aerobunda, buggy nas Dunas (imperdível!!) e culinária saborosa, tendo meus amores ao alcance das mãos, os dias e noites foram de puro prazer.
Claro que no Hotel tinha internet, mas os dias cheios nos devolviam aos quartos famintos e loucos por uma bela refeição e um descanso merecido antes que o dia nascesse, pouco depois das cinco horas da manhã. Em Natal o sol se põe cedo, às cinco e meia da tarde, é noite!
Senti falta dos amigos daqui, não deixei de pensar em vocês.
Numa das andanças noturnas, após conhecermos o melhor e mais tradicional restaurante de lá, Camarões, fomos dar um rápido passeio pelas lojas de artesanato local. Bati os olhos e meu coração sorriu...esta, Mago, tirei pra você!

*Clique na foto para ver melhor.


Para o Rodolfo Barcellos

domingo, 4 de setembro de 2011

RECOMENDO


2



Recebi este presente com muita alegria.
O Rodolfo Barcellos é um amigo querido a quem chamo de Mago das palavras, e nesta publicação que te apresento - e recomendo - pude constatar a perícia com que as usa e transforma em emoções dentro de nós.

Enfeitiça meus sentidos? É mago sim!
Vou te dar uma amostra, com tua licença Rodolfo, do poema que mais me encantou e mexeu com meus sentidos. Na página 60 do livro O Outro Nome da Rosa, esta preciosidade:



PEDAÇOS

Pedaços de mim, esquecidos
Nas horas perdidas das noites...
Nas tardes chuvosas do outono...
Nas ondas profundas do mar...

Pedaços de mim são crianças
Sem teto e sem esperanças,
Sem pais, sem amigos, sem sonhos,
Seus olhos molhados, tristonhos.

Pedaços de mim, espalhados
Por tantas esquinas da vida,
Por tantas pessoas amadas,
Por tantos lugares passados.

Pedaços de mim são soldados
Vencidos de dor, mutilados,
Famélicos, tristes, cansados
De lutas que não são as suas.

Pedaços de mim são saudades
De tempos de serenidades,
Sem lutas, derrotas e mortes,
Que em guerras vitória não há.

Pedaços de mim, derramados
Em juras de amor olvidadas,
Em beijos tão desesperados,
Em lágrimas mal enxugadas.

Pedaços de mim são as preces
Dos anjos por seus protegidos,
Dos pais por seus filhos drogados,
Das mães por seus filhos perdidos.

Pedaços de mim, sequestrados
Por tantas lembranças queridas,
Por tantos retratos guardados,
Por tantos carinhos trocados.

Pedaços de mim, sepultados
Nas tumbas profundas da alma,
Nas mil covas rasas da vida,
Na cripta escura da dor.

Pedaços de mim...
Folhas arrancadas...
Páginas queimadas...
Promessas rasgadas...

E assim,
Aos poucos me despedaço,
E em cada verso que faço
Vai um pedaço de mim...

Recolhe tu meus pedaços
E guarda-os no teu coração,
Se lá ainda houver espaços
Para amor ou compaixão.

Pedaços de mim...
Pedaços de ti...
Pedaços...


Rodolfo Rodrigues de Barcellos
Maio de 2010

Ego In Verso - Coletânea de crônicas postadas no Blog Sete Ramos de Oliveira.



quinta-feira, 31 de março de 2011

Macaquice

Eu estava covórujando quando, de repente, me dei conta de que entre os brinquedos do meu neto, se escondia meu amigo Xipan...rs
Saquei da máquina e registrei o danado, disfarçado na arca-de-noé...opa! eu não ia perder essa oportunidade de mostrar que tô sempre ligadinha nos amigos!

Ó você, a-mico Tatto!!




RECOMENDO

1




Este rosto sereno, de olhar profundo, não revela os horrores vivenciados ao longo do cativeiro a que foi submetida, dos dez aos dezoito anos de idade.
Um relato envolvente, bem cuidado, rico em detalhes e sob forte análise do enfoque emocional, é uma autobiografia em que Natascha explora esta vivência de forma a, por suas palavras, encerrar este cárcere que lhe roubou parte da infância e adolescência.

O livro é o símbolo de sua liberdade emocional, que favorece, através de uma leitura com a devida acuidade sensorial, o entendimento de uma análise surpreendente que a menina foi construindo com seus recursos infantis, comprometendo-se a salvar-se, num pacto que manteve sua lucidez e identidade durante sua recusa permanente de ceder ao desespero e entregar-se ao destino traçado por seu algoz.
Apesar de forçada a suportar as mais pesadas e cruéis ações de seu carcereiro, cuja mente doentia foi identificada pela menina, desenvolveu estratégias de sobrevivência durante o período em que ficou à mercê dos caprichos de um homem que construía, aos seus moldes, um mundo perfeito, idealizado e imaculado, para ser compartilhado por sua "parceira" - a quem impôs mais do que humilhações ou tortura física, sua patologia criminosa, de alguma forma compreendida por ela, e severamente obedecida, sob pena de morte - para muitos, certamente vista como um alívio para a vida que levava.
Um livro que vale a pena ser lido!


3096 dias
Natascha Kampusch
A impressionante história da garota que ficou em cativeiro durante oito anos, em um dos seqüestros mais longos de que se tem notícia



Da série RECOMENDO, do Tecendo Ideias


segunda-feira, 21 de março de 2011

SELO




Alinhavos do Tecer recebeu este Selinho da Maria José, do Blog Arca do AutoConhecimento, um espaço que me faz refletir e aprender muito, a quem agradeço pelo carinho de incluir-me na sua escolha.

Ele tem as seguintes regras a cumprir:

1 – Qual o seu nome completo?
Denise Araujo
2 - Como se auto define?
Houve um tempo que teria essa resposta, hoje reformulei esse conceito de ter uma auto definição, me entendo como um ser em permanente construção, em busca de um entendimento maior acerca de mim mesma.
3- O que lhe motivou a criar o blog?
Este lugar foi criado para dar suporte ao Tecendo Ideias, um espaço que utilizo para me comunicar com as pessoas e dar vazão ao meu mundo interior.
4–O que não pode faltar na sua mala?
O essencial para meu conforto, perfume e brincos...rs...mas o que não pode faltar meeeesmo é um livro - não viajo pra lugar nenhum sem pelo menos um livro na bagagem.
5-O que lhe dá forças para seguir em frente?
A determinação, uma vontade maior do que minhas fraquezas me domina. Acho que vem de minha parte mais evoluída e sábia, aquela que cuida de mim...
6 – Conte-nos algo de mais engraçado que já aconteceu consigo.
Sou partidária do bom humor, então sempre acontecem momentos engraçados, e com certeza muitas situações engraçadas eu já vivi, mas não lembro agora de uma que mereça destaque...

Devo indicar 7 blogs para levar este selo. Dentre os muitos que sigo, freqüento e gosto muito, nomeio oito...rs (com vontade de escolher muitos mais!)





segunda-feira, 14 de março de 2011

COMO FAZER O BEM!!

Campanha para auxílio às vítimas da enchente que devastou a cidade de São Lourenço do Sul, no RS.

Aqui você assistiu ao testemunho de quem viveu na pele essa triste experiência, e ensina a superação. Sem mencionar o grau de evolução espiritual da Maria Tereza, deve ter observado que ela fala de valores que podemos exercitar.

Se cada um fizer um pouco, a soma das partes compõem uma ação capaz de ajudar estas pessoas.

- Banrisul S/A - Agência: 0870 - C/C 04.029179.0-7

- CAIXA (CEF) - Agência: 0512 - C/C : 006.269-3

Nestes vídeos você pode ver a situação de emergência em que a cidade se encontra.








Obrigada por ter chego até aqui,
e por ajudar com o que puder.
Inclusive, a divulgar!